Tendo partido do Funchal no dia 9 de Abril para a cidade de Sto. António, no Príncipe, a bordo do vapor Portugal, com paragem nas ilhas de Cabo Verde, em S. Vicente, a 13 de Abril e na ilha de Santiago, na cidade da Praia, a 14 de Abril, Arthur Eddington e Edwin Cottingham chegam  finalmente a Sto. António, ilha do Príncipe, a 23 de Abril.

Ainda a bordo, foram recebidos pelo administrador em exercício do Príncipe, Sr. Vasconcelos, pelo representante da Sociedade de Agricultura Colonial e ainda por Jerónimo José Carneiro, presidente da Associação de Plantadores, proprietário da roça Sundy, local onde haveriam de ficar instalados e onde fariam as suas observações astronómicas.

Texto de: Ana Simões e Paulo Crawford

Imagem: Vista geral da cidade de Santo António em 1910 @ Odisseias Nos Mares e Terras

voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *